A NOVA ERA DA INTERNET INDUSTRIAL

A Revolução Industrial transformou a vida das pessoas, com acesso a grande variedade de produtos, novas formas de geração e distribuição de energia, meios de transporte mais eficientes e migração massiva das pessoas para as cidades.

NOSSA MISSÃO

 

Vivemos agora uma revolução tecnológica que promete transformar novamente a maneira como o mundo funciona, gerando crescimento econômico, empregos mais qualificados e elevação dos padrões de vida. A IIoT já começou. Ela reúne máquinas inteligentes, análise computacional avançada e trabalho colaborativo entre pessoas conectadas para gerar profundas mudanças e trazer eficiência operacional para setores

industriais diversos, tais

como manufatura,

transporte, energia

e saúde.

Primeira Revolução

Máquinas mecânicas, movidas

a força da água e vapor

Segunda Revolução

Produção em massa, linha de

montagem e eletricidade

Terceira Revolução

Computadores e Automação

Please reload

Quarta Revolução

Conectividade e Sistemas

Cibernéticos

Please reload

 Recentemente, a internet encolheu o planeta e revolucionou o acesso à informação e o modo de relacionamento entre as pessoas.

Promover o crescimento acelerado da Internet Industrial através da coordenação de um ecossistema criador de iniciativas voltadas à integração, controle e conexão segura entre máquinas, sistemas, processos e pessoas por meio de arquiteturas comuns e padrões abertos, visando a geração de resultados transformadores às diferentes indústrias e infraestrutura pública.

Para acelerar este processo e fomentar colaboração entre os participantes desta comunidade, foi criado nos Estados Unidos em 2014 o Industrial Internet Consortium (IIC), que já conta com cerca de 250 associados de 30 países.

Inspirados no sucesso do IIC e buscando inserir o Brasil nesta revolução, Pollux, FIESC/CIESC e Embraco uniram-se para fundar a Associação Brasileira de

Internet Industrial.

Analistas indicam mercado potencial de US$ 15 trilhões em 15 anos. Gigantes globais como GE e Intel, empresas de tecnologia de todos os portes, universidades e institutos de pesquisa trabalham para vencer desafios técnicos, como nível de segurança viável para troca de informações sensíveis e criação de padrões e referências para a interoperabilidade entre máquinas e dispositivos.

CONTATO

  • LinkedIn ícone social
  • Instagram
  • Facebook Social Icon

© 2020 por Associação Brasileira de Internet Industrial