BLOG

  • Genara Rigotti

7 etapas para colocar a IIoT em prática na sua empresa


Para ter sucesso com a Internet Industrial das Coisas os executivos vão precisar formular novos modelos de negócios, repensar as operações e o core business, introduzir inteligência nos produtos, serviços, processos e mais. E a hora de identificar e explorar novas oportunidades é agora.


O objetivo final de qualquer sistema da IIoT é identificar as melhorias resultantes do seu sistema. Trabalhe com os usuários para demonstrar à empresa como a IIoT está melhorando o resultado final. Calcule os benefícios financeiros e compartilhe essas informações com aqueles que apoiaram o projeto para demonstrar como os investimentos iniciais não foram desperdiçados. Isso ajuda a garantir confiança para a expansão do sistema IIoT no futuro.


Mas como iniciar a jornada na IIoT? Confira, abaixo, 7 etapas:


1. Antes de iniciar o projeto, certifique-se de que sua empresa e usuários estejam comprometidos com o uso dos dados


Os projetos da IIoT conectam vários dispositivos a sensores e sistemas de monitoramento, coletando grandes quantidades de dados. Entender estas informações e determinar seu valor pode levar tempo. Quando todos os envolvidos estão comprometidos, fica mais fácil adotar novas tecnologias, coletar os dados e gerenciar os resultados.


2. Ter uma rede estável e segura é essencial para ter um sistema IIoT de sucesso


Devido à grande quantidade de dados sendo coletados e ao aumento do número de usuários em sua rede, ter um sistema desatualizado pode dificultar o crescimento. Concentre-se primeiro em dois conceitos básicos: segmentação de rede e proteção de limite. Pode ser necessário contratar um consultor ou integrador externo.


3. Não se distraia com os chavões criados pela comunidade IIoT


Existem ferramentas sendo desenvolvidas o tempo todo, como computação em nuvem ou de borda. Concentre-se primeiro no desenvolvimento de sistemas básicos (por exemplo, conexões de rede) e na implementação de sensores antes de usar servidores baseados em nuvem.


4. A reavaliação das conexões do sistema pode resultar no desacoplamento de dispositivos e aplicativos devido à mudança para protocolos IoT


Uma solução de software que acesse o dispositivo diretamente e contorne seu sistema de controle de automação pode fornecer uma vantagem se grandes quantidades de dados forem necessárias. Os dados podem ser processados ​​fora do seu sistema de controle e, como o sistema de controle não precisa desses dados, pode aliviar o estresse do sistema.


5. A internet pode esperar


Ao iniciar a implementação de sistemas IIoT, conectar seu aplicativo à Internet não é uma prioridade. Muitos fabricantes ainda estão operando em uma configuração de rede fechada enquanto estabelecem seus protocolos de segurança. Além disso, muitas aplicações não precisam de acesso à Internet. Concentre-se primeiro no compartilhamento de dados importantes do processo na rede da empresa. Mais tarde, você pode descobrir como compartilhar seus dados com segurança pela Internet.


6. A convergência de TI (Tecnologia da Informação) e TO (Tecnologia de Operações) é fundamental para os sistemas da IIoT


Essa consonância permitirá o movimento seguro e confiável de dados para usuários e aplicativos além do chão de fábrica. Encontrar maneiras de correlacionar informações de vários sistemas de negócios com o chão de fábrica pode ser mais desafiador do que o monitoramento e a tendência de alarmes, mas pode proporcionar grandes benefícios. Por exemplo, a combinação de dados para custos de matéria-prima, tendências de vendas, estoque e trabalho em andamento pode resultar em programações de produção mais eficientes ou em alterações na receita que economizam custos.


7. Transmitir os dados para o usuário final é a meta da IIoT


Certifique-se de que sua configuração forneça aos usuários do sistema informações atualizadas e precisas. Além disso, reserve um tempo para treinar os usuários sobre como ajustar o sistema para atender às suas necessidades com base nos dados, o que mudará constantemente, à medida que os problemas forem resolvidos e os novos surgirem. O treinamento adequado e a facilidade de acesso aos dados facilitam que todos se sintam encorajados a usar os dados, evitando a frustração.


#Internetindustrial

#IIoT

#ABII


Gostou do tema? Então continue lendo o Blog para conhecer mais sobre a Internet Industrial das Coisas!

91 visualizações

CONTATO

  • LinkedIn ícone social
  • YouTube
  • Instagram
  • Facebook Social Icon

© 2020 por Associação Brasileira de Internet Industrial