BLOG

  • Genara Rigotti

ABII participa de encontro com secretário nacional de empreendedorismo e inovação em Joinville


A Associação Brasileira de Internet Industrial (ABII) participou de uma mesa redonda com o secretário nacional de Empreendedorismo e Inovação (SEMPI) do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), Paulo Alvim, e profissionais da iniciativa privada, de organizações, entidades, instituições de ensino superior e do poder público na última semana.


O bate-papo foi no Ágora Tech Park, local em que o secretário também participou do lançamento do programa Think Tank Criando o Futuro, do Projeto Resgate. O diretor da ABII, Cláudio Goldbach, representou a entidade no encontro. "O secretário deu um puxão de orelha nos atores do ecossistema joinvilense nos alertando que fazemos muito e divulgamos pouco. Agora, temos que fazer a nossa lição de casa", aponta.


O principal tema na pauta da reunião foi articular a construção e apresentação, até 20 de maio, de uma proposta única para a instalação no Estado de um dos quatro centros de inovação que o MCTIC planeja viabilizar no País.


Dentre os quatro temas (saúde, agronegócios, cidades inteligentes e indústrias) disponíveis no edital do ministério, a intenção do grupo de trabalho é direcionar esforços para viabilizar uma iniciativa focada na indústria. “Indústria tem a cara do Estado. O Brasil respeita a indústria de SC. Quando falamos sobre inteligência artificial e novas tecnologias, é um caminho natural olhar para SC. É onde está concentrado um conjunto diferenciado de iniciativas de ecossistemas que precisa ser ainda mais conhecido, pois pode servir de exemplo e orientação para outras iniciativas do país”, pondera Paulo Alvim.


As quatro propostas selecionadas pelo MCTIC receberão durante cinco anos aportes anuais de, pelo menos, R$ 2 milhões — R$ 1 milhão de contrapartida da iniciativa privada e R$ 1 milhão provisionado pelo Governo Federal. O investimento total previsto é de R$ 40 milhões e, conforme o secretário, os recursos já estão assegurados. A verba será destinada para custeio das atividades, aplicação de projetos e aquisição de equipamentos dos centros de inovação.



Ao longo da última quinta-feira (12 de março) o secretário também visitou o campus da UFSC, a Conta Azul e a Pollux Automation, tudo dentro o Perini Business Park. "O modelo que se pratica no Perini é interessante, replicável e parte de um pressuposto de uma grande convergência de iniciativas, principalmente do ecossistema de inovação. Um ponto muito significativo foi trazer a universidade para dentro do parque, além dos bons modelos de cooperação. A prática que se tem aqui é extremamente relevante e exemplar. Ecossistemas como os do Ágora mostram caminhos, criam condições mais favoráveis e podem contribuir de forma efetiva para o empreendedorismo de sucesso", avalia Paulo Alvim.


#Indústria

#Tecnologia

#ABII

#Empreendedorismo

#Inovação

47 visualizações

CONTATO

  • LinkedIn ícone social
  • YouTube
  • Instagram
  • Facebook Social Icon

© 2020 por Associação Brasileira de Internet Industrial